Evolução Exponencial: Ativação do ADN e a Razão Áurea

post-02-11-1
Estamos aqui à beira da Era de Ouro, a Era da natureza, onde a ordem natural vai retornar ao equilíbrio na Terra. O caminho dessa ordem natural pode ser entendido através da aplicação de um sistema universal chamado Razão Áurea.

A Razão Áurea é um padrão que a natureza segue na construção de toda a sua arte e beleza. É a ordem dentro do caos aparente da natureza. Apesar de não aparecer sempre dessa forma, tudo está alinhado em perfeita harmonia, na ordem da Razão Áurea.

O que é Razão Áurea ?

A Razão Áurea é o principio da evolução exponencial. Em vez de crescer com a formação linear de 1 + 1 + 1 + 1, a evolução é por natureza essencialmente exponencial. A Razão Áurea descreve a taxa em que o crescimento exponencial se desenrola.

Em matemática, duas quantidades estão na Razão Áurea, se a sua razão é a mesma que a razão da sua soma das duas quantidades anteriores. A premissa básica é que você toma dois números, adiciona-os e a soma total desses dois números compreende o terceiro número da sequência evolutiva. O quarto número é então determinado pela soma dos dois maiores dos três valores na equação.

Como um exemplo de crescimento exponencial, vamos começar com o número 1.

1 + 1 = 2

Destes três valores, os dois maiores dos três números são adicionados para encontrar o quarto número na sequência exponencial.

1 + 2 = 3

Novamente, os dois maiores dos três números são adicionados para encontrar os dois próximos números na sequência exponencial.

2 + 3 = 5

Novamente, os dois maiores valores são adicionados…

3 + 5 = 8

Então …

5 + 8 = 13

13 + 8 = 21

13 + 21 = 34

21 + 34 = 55 …

E assim por diante.

post-02-11-2Esta sequência está também representada em uma curva denominada curva de Fibonacci, que descreve este padrão universal de crescimento:

1, 1, 2, 3, 5, 8, 13, 21, 34, 55, 89, 144, 233, 377, 610, 987 ….

E essa sequência de crescimento exponencial é exemplificada por todo o Universo na natureza.

A Lei das Oitavas

Em química, a Lei das Oitavas foi reconhecida pela primeira vez em 1865 pelo químico Inglês JAR Newlands, que descobriu que se os elementos químicos são organizados de acordo com o seu peso atômico (como na Tabela Periódica) aqueles com propriedades físicas e químicas semelhantes se repetem em sequência, após intervalos de sete elementos que não são similares.

Ao considerar a Lei das Oitavas, podemos perceber que as escalas musicais também seguem a sequência de Fibonacci, incorporando a Lei das Oitavas.

As teclas brancas “naturais” dentro do piano são em número de oito, assim como o número de notas em uma oitava completa. A partir de um Médio C, quando seguimos a Sequência de Fibonacci (1, 1, 2, 3, 5, 8 etc.) chegamos a 8, que é a oitava física completa acima do nosso ponto de partida. Apesar de que a nota é uma oitava mais elevada do que o médio C, ela produz um som que ressoa uma vibração semelhante a nota do C.

Então, o próximo número na sequência de Fibonacci é 13 (ou 8 mais 5), que agora inclui as sete teclas brancas “tons naturais”, e as cinco teclas pretas “Plano/Agudo”, e devolve-nos a vibração do “C” em uma oitava superior.

Então, Como Isto Está Relacionado ao ADN ?

Nosso ADN é em forma de espiral que existe dentro do corpo e possui todas as informações sobre nós. Ele contém as informações sobre como você olha, a cor dos seus olhos e sua disposição básica. Ele contém informações sobre o seu passado, ele contém informações sobre o seu comportamento, a condição dos seus órgãos, ele contém informações sobre uma miríade realmente profunda da complexidade do seu inconsciente, subconsciente e mente consciente. Ele mantém tudo junto, tudo o que você é em equilíbrio perfeito, e como interagir com o Universo, ele mantém filamentos em espiral no interior do corpo com todas estas informações.

Assim como há um desdobramento natural de espirais dentro da natureza, há este mesmo desdobramento natural dentro do corpo humano.
post-02-11-3No campo da botânica, o cientista Adolf Zeising descobriu primeiro a Razão Áurea no arranjo dos ramos ao longo do caule das plantas, bem como as modalidades de veias nas folhas. Da mesma forma, é amplamente aceito que o corpo humano também reflete este mesmo padrão, com amostras populacionais que confirmam a presença da Razão Áurea nas proporções do corpo humano. Em um nível de ADN, a relação matemática que envolve a Razão Áurea descreve uma forma de hélice geométrica tridimensional que espelha exatamente as proporções conhecidas do nosso ADN. A Razão Áurea é também a razão aniônica dos raios catiônicos de qualquer átomo.

Há oito centros e glândulas dentro do nosso corpo que mantêm a vibração do corpo físico. Conforme nos expandimos para a próxima oitava, incorporamos as doze fitas do ADN. O que isto significa é que estamos vivendo esta Razão Áurea, este fio de ouro que está passando por nós é o fio condutor da evolução, que é a felicidade interior, o verdadeiro amor que está em forma pura, a frequência de Deus para a qual estamos evoluindo de certa maneira. Então, para nós sermos a centelha divina, aquela centelha de ouro da felicidade que somos destinados, temos que explorar as oito principais frequências que existem dentro do nosso instrumento, o corpo.

Ao conseguirmos dominar as oito principais frequências que existem nos oito centros de energia do corpo físico, podemos então passar a jogar com as outras cinco frequências (dos “agudos e graves” ‘) que existem fora do corpo para atingirmos a oitava completa. Conforme nós experimentamos na escala musical, a nota décima terceira é a conclusão de uma oitava.

O que acontece quando atingimos a oitava é que experimentamos a evolução exponencial. Nós saímos da dimensão física, deixamos de viver esta vida física, para vivermos em uma forma exponencial, multidimensional, conhecendo a nossa verdadeira natureza. Nós começamos a experimentar o que somos em outras dimensões, em outros estilos de vida e em nossas vidas passadas. Conhecemos diferentes arquétipos que fazem parte do nosso ADN, que estão inicialmente adormecidos dentro de nós, mas que começam a se ativar naturalmente quando ativamos este raio de felicidade.

A Lúmen Oitava

A Razão Áurea é um desdobramento. Uma vez que você ativa a espiral e você permite sua progressão natural seguir em frente, você ativa a frequência da felicidade universal de expansão exponencial. À medida que permite a progressão natural e segue esta frequência de felicidade, você se permite passar por todas as oitavas de sua evolução pessoal. No Lúmen Oitava, chamamos isso de seguir o instinto da bem-aventurança.

post-02-11-4Nós já sabemos que as nossas palavras, pensamentos e sentimentos (nossa consciência) tem impacto direto sobre a expressão do nosso ADN. Alcançar a frequência de felicidade dentro do corpo físico aciona o processo de desdobramento natural e evolução. Inicialmente você vai experimentar a ativação de um dos seus centros energéticos, depois dois de seus centros energéticos, após três, cinco… Quando você ativar os oito centros energéticos em seu corpo físico a ativação estará completa então você pode expandir-se para os treze centros energéticos, incluindo os cinco que existem fora do corpo físico.

A razão pela qual nós chamamos este processo de o Lúmen Oitava, é porque sua consciência é fundamental para ativar ou iluminar as oitava do seu corpo. A consciência é a luz da sua alma, a oitava é a física que se desdobra.

A sequência de Fibonacci é a ordem universal da natureza. Você é o código natural que você está descobrindo. Seu corpo é a flor que está se expandindo e se desdobrando, isso está acontecendo em um nível físico. A experiência do Lúmen Oitava é esta ativação exponencial, é a alma que vem junto com o corpo para criar a Razão Áurea. Conforme nos tornamos seres que vivem em alinhamento com o raio dourado e da bem-aventurança, começamos a criar a Era de Ouro, a Era da ordem natural.

E uma vez iniciado o processo, uma vez que o corpo físico foi ativado e estivermos vivendo a oitava superior das treze notas, naturalmente teremos faculdades suficientes que nos permitem saltar para a próxima oitava da nossa evolução contínua.

Relacionado: A Frequência o ADN e o Corpo Humano.

Nosso Eu Multidimensional

É o processo natural mais incrível da evolução que estamos entrando, nós estamos fazendo isso em perfeita harmonia com a Razão Áurea, ativando os oito centros de dentro do corpo e permitindo que o nosso EU seja totalmente ativado. A partir deste ponto, podemos realmente entrar na jornada para o nosso EU multidimensional.

O nosso EU multidimensional é capaz de ser acessado por meio de organismos felizes totalmente ativados, quando nós estivermos vivendo dentro da sensação de quem realmente somos o tempo todo, em vez de lutar para nos curar ou para conhecer a nós mesmos verdadeiramente. Em vez de experimentar a nós mesmos dentro das construções que nos foram dadas no Universo físico, podemos começar a nos conhecer realmente e verdadeiramente, como seres divinos.

A vantagem é mais do que apenas pessoal, quando chegarmos a este nível, nós começamos a elevar a vibração dos outros e da grade energética que nos rodeia. O Universo físico reconhece a oitava de um ser ativado e se harmoniza com ele, assim como toda a rede começa a ressoar na sua frequência e ele se eleva e também eleva a todos os outros. Ele cria um vórtice onde essa frequência de Ouro inflama a luz dentro de todos que estão à sua volta e começa uma revolução, uma evolução pacífica, natural.

Conforme entramos em nossa vibração de bem-aventurança e incorporamos a nossa evolução, em perfeito alinhamento com a Razão Áurea e a Lei das Oitavas, começamos criar um lugar onde todos nós podemos viver a nossa herança de frequência da bem-aventurança. Estamos juntos nesta jornada trazendo a Era de Ouro. Reconhecendo a sequência natural de crescimento exponencial podemos alcançar novas oitavas e aprender a nos harmonizar com os outros, retornando esta ordem natural da Terra.

Tecnologia para a Era de Ouro com Indra.

©Indra (Mona)
Origem: wakeup-world

Tradução e Divulgação: A Luz é Invencível

Anúncios

6 comentários em “Evolução Exponencial: Ativação do ADN e a Razão Áurea

  1. Pingback: OS CIENTISTAS DA NOVA ERA-segunda parte-Bárbara Marciniak e os Mensageiros do Amanhecer | A Luz é Invencível

  2. Pingback: Evolução Exponencial: Ativação do DNA e a Razão Áurea – 12.02.2015 | Senhora de Sírius

  3. Dario Bom dia
    Uau…
    A Lei de Oitavas nos ensina a ascender, nos mostra onde nos estancamos,” por que e como poder” seguir ascendendo até a meta final, como funcionam as leis da força, etc.Essa Lei ou a Corrente do Som, ou Corrente da Vida são a mesma lei.
    Se observamos a Escala Musical: DO-RE-MI-FA-SOL-LA-SI,vemos as sete notas musicais. Para ir de um DO inferior a um DO superior, é necessário elevar-se uma oitava mais.A esta escala chamamos” A Corrente da Vida”, na que todos os seres humanos estão diretamente envolvidos, e, ao mesmo tempo, submetidos por ela.
    Ao começar a cantar uma escala musical, DO/ RE/ MI, quando chegamos a MI encontramos a Primeira Pausa, entre as notas MI e FA. Logo depois vemos as seguintes três notas: FA/ SOL/ LA vão juntas, porém, ao chegar a LA, encontramos a Segunda Pausa, entre LA e SI.Passando à nota SI, vemos que está independente, e encontraremos a Terceira Pausa, entre SI e o DO superior. Isto implica que encontraremos três pausas em uma Escala Musical. A mesma coisa sucede com todos os eventos da nossa vida.O Primeiro Choque se dá ao nascer. Ao nascer e inalar o ar, e a vida funcional nesta dimensão ingressa, temos direito às notas musicais DO, RE e MI. Que correspondem ao corpo físico, corpo vital e ao princípio de Alma (dado pela nota MI), acompanhados por uma personalidade com a qual nos desenvolvemos no mundo físico.
    Nascemos, crescemos, nos reproduzimos, envelhecemos e morremos sem nenhum objetivo verdadeiro. Nesta situação, estará toda a humanidade enquanto não encontrar algo que lhe permita vencer esta Primeira Pausa. A partir do momento em que chega a MI, ou continua subindo, ou regressa ao ponto de partida. Uma vez recebido o Conhecimento, nos abrem dois caminhos: praticamos e continuamos avançando ou não o praticamos e o transformamos numa crença.
    Várias convicções/crenças que temos hoje, estão registradas na memória do nosso DNA e muitas delas são destrutivas, pois nos impedem de crescer espiritualmente porque se contrapõem à nossa real natureza de que somos; Luz.A ativação, reconexão e recodificação do DNA, reunificam, novamente, nossas 10 fitas “desconectadas” com nossas glândulas endócrinas( a saber, são 8/. 1. Glândula Pineal 2. Glândula Hipófise 3. Glândula Tiróide 4. Glândula Timo 5. Glândula Supra Renal 6. Glândula Pâncreas 7. Glândula sexual feminina: Ovário 8. Glândula sexual masculina: Testículos),e nos reconecta com o nosso Ser Dimensional elevado. Nossas glândulas endócrinas, especialmente o hipotálamo e a pineal, despertam de seu estado atrofiado e começam a funcionar como estava previsto, trazendo aos nossos corpos rejuvenescimento e uma melhor saúde e, espiritualmente, nos dão acesso à multidimensionalidade. Os cristais do chacra coronário começam a ativar-se permitindo-nos receber e interpretar comunicações de outras realidades. Estaremos canalizando sem a interferência do mental! O processo de ATIVAÇÃO DO DNA NÃO É FEITA DE UMA HORA PARA OUTRA, é um processo gradual e ascensional.Ao liberar padrões emocionais obstruídos,isso nos ajudará a dar um grande salto na limpeza e recodificação do DNA, permitindo-nos chegar à raiz dos desequilíbrios e liberá-los com Compaixão. Quanto mais rápido liberarmos os bloqueios e as toxinas dos corpos físico e emocional, mais facilmente o nosso corpo pode aceitar as vibrações altas. As energias mais densas precisam ser desacopladas á nível celular para dar passagem á LUZ e ao DNA SAGRADO. Sem esse processo não há como ativar o DNA.Existe um circuito que chamamos de 13-20-33 e é definido da seguinte forma: o 13 representa as 12 camadas do Campo Áurico dentro da matéria etérica, harmonizadas e sincronizadas com a Unidade. Assim, o 12 torna-se Um, formando a frequência 12+1=13. Isto só acontece quando uma quantidade suficiente de jornadas na dualidade permite que a consciência do Ser ative todos as 12 camadas e ligue e ative os 12 chacras principais a cada camada da aura e também aos 12 filamentos do DNA.
    O 20 representa a activação das camadas da interface áurica humana na multidimensionalidade, dentro dos planos da Anti-Matéria. Estas camadas não eram facilmente acessíveis antes do ajustamento da grade magnética.
    A sincronização de Fibonacci do 13 mais o 20 possibilitam o circuito 33. Isto possibilita o circuito que permite que a humanidade se expanda totalmente para os níveis de consciência Cristalinos não polarizados. Este é verdadeiramente o veículo que os leva a completar o círculo de volta ao lar espiritual de níveis multidimensionais elevados, onde não há limitações, crenças limitantes e o ser humano pode expressar-se e viver sua verdadeira essência na Totalidade.A realidade é uma só;A transmutação começa no nível de CONSCIÊNCIA, em seguida, avança para o nosso corpo físico, nossas células, nosso DNA e nossa realidade externa.Devido à expansão do nosso poder criativo de manifestação, é importante que nós monitoremos constantemente os nossos pensamentos e emoções e foquemos nossa intenção no processo de Ascensão Planetária para que nos tornemos cada vez mais seres de 5a dimensão.”O que quer que encha sua consciência, enche sua vida.” Assim, foquemos a nossa consciência e fiquemos atentos,principalmente às” vozes de dimensões maiores” que nos guiam e nos lideram,ao mesmo tempo, reconheçamos todas as ilusões do medo e da separação, da limitação e da manipulação, de modo que nós possamos libertár-nos desse foco de atenção e nos concentrar em AMOR.
    recomendo os livros de Bárbara Hand Clow e David Wilckoc, que tratam bastante deste assunto e são muito elucidativos.
    “” CADA DIA É UMA NOVA VIDA, UMA NOVA EXPERIÊNCIA ”

    Cada experiência é um degrau para o progresso da alma. Não fique preso ao passado. Você está, agora, diante de uma nova experiência. Dedique-se a ela de corpo e alma, e verá surgir o próximo degrau de evolução.
    (Masaharu Taniguchi)
    Adorei. Parabéns pela matéria.

    Curtir

    • Olá Monica

      Obrigado pelo comentário e presença luminosa.

      E você como sempre, passeou pelo tema com a desenvoltura de sempre.

      Muita paz, luz, amor e expansão de consciência
      Luz é Invencível

      Curtir

      • Oi Dario,
        E voce, como sempre, trazendo os temas mais instigantes, fazendo todos pensarem, pesquisarem e se auto- analisarem.Nada é como antes, um dia sempre diferente do outro.Isso é uma “mola propulsora”, nos impulsionando á nossa nova “roupagem multidimensional”.
        Um grande abraço da sua amiga e parceira.
        Mônica

        Curtir

        • Olá Monica

          Obrigado, penso que “nada é por acaso”, tudo tem um objetivo e eu, você e outros milhares estamos procurando fazer a nossa parte.

          Muita paz, luz, amor e expansão de consciência
          Luz é Invencível

          Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s